E o Cabo da Boa Esperança aqui tão perto!

E o Cabo da Boa Esperança aqui tão perto!

Se para Bartolomeu Dias a região foi o Cabo das Tormentas, para os empresários portugueses a África do Sul é hoje uma terra de bonança e oportunidades. A CCILSA vai levar, pela segunda vez, empresas lusas à África do Sul, de 9 a 12 de maio, sob o tema “Innovative Portugal”.

Sessões com start-ups e TIC sul-africanas para a promoção de parcerias, de networking ou até a hipótese de estar numa das maiores feiras de maquinaria de África são algumas das ações preparadas para os participantes na trade mission. Dar a conhecer o lado inovador do tecido empresarial português junto de potenciais parceiros de negócio na África do Sul é o mote da próxima missão comercial realizada pela CCILSA - Câmara de Comércio e Indústria Luso Sul-Africana. Sob o tema “Innovative Portugal”, a iniciativa multissetorial decorre entre 9 e 12 de maio, com o apoio da aicep Portugal Global, da SAPCC - South African Portuguese Chamber of Commerce, da Embaixada da África do Sul em Portugal e da Embaixada de Portugal em Pretória. Destinada às empresas portuguesas que pretendam exportar para ou investir no mercado sul-africano, agrega ainda ações específicas para o setor das TI (tecnologias de informação).

Durante quatro dias as empresas participantes vão estar em contacto com players locais relevantes (em Joanesburgo, Pretória e na Cidade do Cabo), poder fazer networking, ter reuniões de negócios B2B com entidades do setor privado e governamentais, ter um enquadramento financeiro e legal para a operação e distribuição no mercado, e o contacto com a embaixada portuguesa em Pretória. Haverá, entre outras, uma sessão com o Mercantile Bank sobre a economia sul-africana; e será realizada uma sessão com start-ups e TIC locais para a promoção de parcerias. Há ainda a opção de participar na feira Machine Tools Africa 2017 (a maior do género em África). Ver programa da missão.

Neste âmbito, a CCILSA realiza no dia 18 de abril, em Lisboa, uma sessão de apresentação da missão, na qual os interessados vão ficar a conhecer melhor as características do mercado sul-africano, em que será apresentado um case study sobre o investimento português no país, bem como a missão em si (mais informações/confirmação de presença no evento via Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. ou 93 358 10 51).

A África do Sul, porta de entrada no continente africano, ocupa um lugar cada vez mais relevante no comércio mundial. É um mercado maduro, que tem grande pressão política, económica e financeira para modernizar, construir infraestruturas e melhorar a performance em todos os níveis, e onde o nível de tecnologia e inovação das empresas portuguesas encaixa na perfeição. As maiores oportunidades que o país pode proporcionar ao crescimento das exportações portuguesas encontram-se sobretudo nos setores relacionados com as energias renováveis, as TIC (tecnologias da informação e comunicação), construção de infraestruturas, setor automóvel, transportes, equipamentos, outros fornecimentos industriais e alguns bens de consumo.

Esta é a segunda edição da iniciativa realizada pela CCILSA. A primeira missão comercial à África do Sul decorreu em outubro de 2016, com enfoque nos aspetos diferenciadores das empresas e economia lusas, tendo contado com a presença de 12 companhias (de TI, energia, banca, produtos alimentares, manufatura ou serviços). À qual se seguiu, em janeiro de 2017, uma “study mission” a Portugal por parte do Finance Portfolio Committee da província sul-africana de Gauteng, para a partilha das melhores práticas no mercado português no que diz respeito a orçamento, e-government, contratação pública e parcerias público-privadas.

05-04-2017


Portal da Liderança